• fcff01
  • fcff02
  • fcff03
  • fcff04
  • fcff05
  • fcff06
  • fcff07
  • fcff08
  • fcff09

O Patrono

padreFilipeFigueiredo

O Cónego Filipe de Figueiredo nasceu na freguesia de Beduído, no concelho de Estarreja, a 24 de Agosto de 1926 e foi baptizado a 5 de Setembro do mesmo ano. Faleceu no dia 28 de Novembro de 2003, em Beduído, Estarreja.

Ingressou nos Seminários dos Carvalhos em 1938, em Aveiro em 1939 e em Évora em 1942. Fez a sua Ordenação Sacerdotal em Vendas Novas a 26 de Junho de 1949 e a sua Missa Nova em S. Tiago de Beduído, no dia 24 de Julho de 1949. Foi Cónego da Catedral de Évora em 1989.

No que diz respeito às habilitações académicas, foi licenciado em História pela Universidade Clássica de Lisboa, pela Faculdade de Letras e também licenciado em Ciências Literárias pela Universidade Nova de Lisboa.

Quanto à sua vida activa foi prefeito da Escola Regentes Agrícolas em 1949-1950; professor Magistério Primário até 1956; fundador e director de Obras das Vocações Sacerdotais da Arquidiocese de Évora; fundador e director do Movimento Cursilhos de Cristandade em Évora até 1971; secretário diocesano da Pastoral da Emigração; director nacional pastoral dos Ciganos; director espiritual do Seminário Maior de Évora; professor do Instituto Superior de Teologia de Évora – Antropologia Cultural e Evangelização; pároco de S. Brás; professor efectivo das Escolas Industrial Afonso Domingues e Industrial Portela de Sacavém; instituidor, fundador e presidente do Conselho de Administração da Fundação D. Manuel Mendes da Conceição Santos; presidente da Liga dos Amigos da Fundação D. Manuel Mendes da Conceição Santos; fundador e dinamizador da Fraternitas – Associação de Padres Dispensados; fundador da Associação dos Missionários de Cristo Sacerdote. Foi também Caminheiro, Palmeiro, Romeiro e Peregrino; Escritor, Jornalista, Ensaísta e Conferencista, tradutor e editor de livros; director e fundador de jornais e revistas.

OBRAS PUBLICADAS

COLECÇÃO FILHOS DE ESTARREJA: A Professora de Santo Amaro – D. Maria do Carmo Valente de Almeida – Estarreja | D. Francisco Nunes Teixeira – Bodas de Ouro Sacerdotais testemunhos e escritos de Estarreja | Manuel Pedro Calado e sua Família – Alfobre de Artistas - Estarreja | A Obra do Padre Donaciano de Abreu Freire – I vol. O escritor – Estarreja | A Obra do Padre Donaciano Abreu Freire – II vol. O Orador Sagrado – Estarreja | A Obra do Padre Donaciano Abreu Freire – III vol. O Orador Sagrado – Estarreja | Padre Donaciano Abreu Freire - O Homem e Sacerdote – IV Biografia – Estarreja | Padre Cónego José Maria Dias – O Santo Cura de Ars do Alentejo – Évora 2000

Ciganos, 1º Jogos Florais Luso-Espanhóis – Évora, 1971| O Peregrino – Almanaque Cigano – Évora 1972 | Os Santos Não Morrem – D. Manuel Mendes da Conceição Santos – Évora 1981.

OBRAS TRADUZIDAS

Eu e os Ciganos – de Juan de Dios Herédia | Vocação Sacerdotal – de Baldomero Jimenez – 1981 | Cigano e Santo – Zeferino Jimenez Malla – de Romualdo Rodrigo – 1996 | A Paroquia Comunidade Evangelizadora – de Miguel Paya Andrés, Évora 1990 | Fátima Y Balasar: dos Tierras Hermanas – Padre Humberto Pasquale, traduzido para espanhol, Évora 1994.

CURSOS BÍBLICOS E CONCILIARES: CRISTO NA TUA VIDA

INTRODUÇÃO – Curso de Iniciação ao Cristianismo – Évora | 1º Volume – FUNDAMENTAL – Évora, 1971 | 2º Volume – A IGREJA NO MUNDO DE HOJE – Évora, 1972 | 3º Volume – O CORAÇÃO DE CRISTO – Évora, 1973 | 4º VolumeO NOVO TESTAMENTO – Évora, 1974 | 5º Volume – A MISSA – Évora, 1973.

AUTOR EM COLABORAÇÃO

Curso Conciliar: A Igreja no Mundo de Hoje, 1972.

FUNDADOR E DIRECTOR DE REVISTAS

Alvoradas – da Academia Santo António e Igreja Eborense.

FUNDADOR E DIRECTOR DE JORNAIS

Promoção e Jornal de S. Brás.

 

FUNDADOR DE OBRAS SOCIAIS

Centro Social e Paroquial Nª Senhora das Candeias | Centro Social de S. Brás | Centro Social de S. João de Deus | Centro Social de S. Paulo.

INSTITUIDOR

Fundação D. Manuel Mendes da Conceição Santos

A 28 de Novembro de 2010, a Fundação Cónego Filipe de Figueiredo publica a MONOGRAFIA DO CÓNEGO FILIPE DE FIGUEIREDO – HOMENAGEM VIVENCIAL DA FRATERNITAS MOVIMENTO. A obra foi coordenada pelo Dr. Alípio Martins Afonso, nascido e residente na cidade de Chaves, padre dispensado e casado, membro da associação Fraternitas Movimento.